Uma cela será levada ao parque da Redenção representando a prisão dos ativistas. Foto: Greenpeace/Dmitri Sharomov

 

No dia 16 de novembro, sábado, dezenas de países de todos os continentes vão realizar o terceiro dia global em solidariedade aos ativistas do Greenpeace que estão presos na Rússia. No Brasil, o ato acontece em Porto Alegre, cidade natal da ativista Ana Paula Maciel. Ela está entre os 28 ativistas e dois jornalistas que foram detidos e acusados de pirataria e vandalismo após um protesto absolutamente pacífico contra a exploração de petróleo no Ártico.

O encontro vai acontecer no Parque da Redenção, o mais importante da capital gaúcha e o preferido de Ana Paula. “Tomar chimarrão neste parque é uma das coisas que ela adora fazer quando está em Porto Alegre. Tenho certeza que, da próxima vez que nos reunirmos aqui, ela estará conosco”, disse Rosangela Maciel, mãe de Ana, no último ato que aconteceu no mesmo lugar.

O ato é aberto: todos estão convidados a comparecer e dar apoio. Além da presença de voluntários do Greenpeace e da família de Ana, haverá uma cela de 2x2m representando a prisão dos ativistas. As pessoas poderão também deixar mensagens que serão encaminhadas para a ativista. 

Serviço

O quê: Dia Global pelos ativistas
Onde:
Parque da Redenção
Horário:
10h às 16h