Elas estão em todos os lugares: em locais públicos, dentro de recintos, em prédios abandonados (ou não) e até piscando do lado de fora de nossas casas. Elas são grandes, brilhantes... e feias! Estamos falando das propagandas que, muitas vezes, são também imorais.

Mas, nem todo mundo está disposto a aceitar passivamente esse bombardeio diário de propagandas. Convidamos todos os espíritos selvagens aí fora para se juntar a nós e manter viva a memória dos verdadeiros representantes da eterna luta por um Brasil mais livre e mais justo. Para marcarmos os 25 anos do assassinato de Chico Mendes, um dos grandes defensores da nossa maior riqueza, a Amazônia, propomos uma intervenção urbana para lembrar as pessoas que Chico Mendes estará sempre presente.

Para isso, disponibilizamos uma arte de lambe-lambe, um cartaz com conteúdo crítico a ser colado em espaços públicos. É uma forma de intervenção criativa e não-comercial na cidade, com o poder de despertar as pessoas para reflexões que em geral não estão presentes no nosso cotidiano. Vale ressaltar que lambe-lambe não é crime, mas é preciso cuidado com onde e como colar sua mensagem por aí.

Neste link disponibilizamos um guia rápido de como preparar seu lambe-lambe. Imprima a arte “Chico Mendes Sempre Presente”, reúna seus amigos e se manifeste artisticamente. Não se esqueça de fotografar seus lambe-lambes e espalhar pelas redes sociais usando a hashtag #SemprePresente. A mudança está nas mãos da sociedade civil.