Na véspera do Dia do Meio Ambiente, o Greenpeace fez um alerta com três ações ao redor do mundo. O objetivo de todas foi chamar a atenção dos governos para a urgência das mudanças climáticas e a necessidade de medidas efetivas para a redução de emissões e mitigação dos efeitos do aquecimento global.

Em Mumbai, Índia, ativistas penduraram um enorme banner em uma ponte localizada em um dos locais mais vulneráveis ao aumento do nível do mar, na região das Monções.

Na Cracóvia, Polônia, ativistas poloneses e alemães também se penduraram, só que dessa vez o banner foi colocado dentro do hotel Sheraton. A mensagem “Solidariedade pelo clima já” pedia que os líderes dos países europeus comparecessem à reunião de Copenhagen em dezembro desse ano, para mostrar solidariedade e colaboração com os países que já sofrem com os efeitos do aquecimento global.

Enquanto isso, no aeroporto de Cancun, no México, três simpáticos ursos polares chegavam para participar das comemorações do Dia Mundial do Meio Ambiente. Os três aproveitarão a estadia para conversar com autoridades sobre a importância de investimentos para salvar o clima do Planeta – ursos polares estão ameaçados de extinção devido ao aquecimento global.

Se você também quer fazer parte desse esforço global para combater as mudanças climáticas, clique aqui e assine a petição que perde ao governo brasileiro medidas efetivas pelo clima: desmatamento zero da Amazônia, investimentos em energias renováveis e a preservação dos oceanos.