Indústria lança no Brasil refrigerador livre de gases nocivos ao meio ambiente

Notícia - 6 - out - 2004

O Greenpeace comemora mais uma vitória: a Bosch lançou no Brasil, no dia 07 de outubro, seu primeiro refrigerador totalmente livre de gases que agridem o clima, tecnologia desenvolvida pela organização ambientalista em 1992, na Alemanha. O refrigerador utiliza o gás refrigerante chamado R600, que elimina totalmente a emissão de gases nocivos à camada de ozônio.

Em 1992, o Greenpeace da Alemanha começou a estudar produtos de refrigeração alternativos, sem a utilização de gases prejudiciais ao meio ambiente. Com a ajuda de especialistas do Instituto Dortmund a entidade criou o primeiro protótipo de refrigerador que substituía os CFC's por gases naturais. Em 1993, o produto foi lançado no mercado alemão por uma pequena empresa, que depois viria a ser comprada pela BSH, que encampou a idéia, melhorando a tecnologia e produzindo o novo refrigerador para vários países da Europa. Agora, o 'Refrigerador Verde' chega ao Brasil.

O diretor executivo do Greenpeace Brasil, Frank Guggenheim, participou do lançamento em São Paulo e, em seu discurso, enfatizou a importância de outras empresas fabricantes de geladeira no Brasil, como a Brastemp, seguirem o exemplo da Bosch. Além disso, convidou a empresa a participar de uma ação direta da organização entregando uma geladeira Greenfreeze para o presidente Lula colocar em sua nova casa.

Clique aqui e leia o discurso de Frank Guggenheim na íntegra.

Tópicos