Nosso trabalho

O Greenpeace definiu como escopo de seu trabalho em favor do ambiente os seguintes temas: florestas, clima, energia, oceanos, agricultura sustentável (transgênicos), tóxicos e desarmamento/promoção da paz.

A partir de objetivos e estratégias determinados, esses temas transformam-se no que chamamos “campanhas” – um trabalho de investigação, exposição e confronto a partir das demandas da organização em cada país onde ela atua.

No Brasil, temos as campanhas da Amazônia, Agricultura e Alimentação e Clima e Energia. Também já trabalhamos com oceanos, transgênicos e tóxicos.

NOSSA MISSÃO

• Proteger a floresta amazônica, bioma de grande biodiversidade, hábitat de milhares de espécies, milhões de pessoas e fundamental para o equilíbrio climático do planeta.

• Estimular o investimento em energia renovável e eficiência energética, reduzindo as emissões de gases do efeito estufa, que causam aquecimento global.

• Defender os oceanos com a criação de uma rede de unidades de conservação e o estímulo da pesca sustentável.

• Trabalhar pela paz, enfrentando as causas de conflito e eliminando a produção de energia e armas nucleares.

• Incentivar a agricultura segura e sustentável, rejeitando os organismos geneticamente modificados.

Últimas atualizações:

 

Amazonas terá primeira Política Estadual de Mudanças Climáticas do País

Notícia | 30 - mai - 2007 às 18:00

Estado sai na frente na corrida para frear aquecimento global. Governador deve sancionar leis no Dia do Meio Ambiente

Indústria da soja promete não financiar produtores que causem novos desmatamentos na...

Notícia | 30 - mai - 2007 às 18:00

A indústria da soja no Brasil pretende incluir em sua política empresarial para a próxima safra a decisão de não financiar produtores que tenham promovido novos desmatamentos na Amazônia.

No Monte Ararat, Greenpeace entrega Arca de Noé e lança declaração sobre mudanças...

Notícia | 30 - mai - 2007 às 18:00

A Declaração de Ararat, lançada na entrega da Arca de Noé, pede ação rápida de governantes para evitar aquecimento global

Mais uma vez, proposta do Santuário de Baleias não é aprovada

Notícia | 29 - mai - 2007 às 18:00

Ainda não foi desta vez que a proposta brasileira do Santuário de Baleias do Atlântico Sul, que vem sendo apresentada desde 1999, foi aceita. Apesar de ter conseguido maioria dos votos dos países-membro, a proposta precisava de 75% de aprovação

4276 - 4280 de 5581 resultados.