Voluntários e alunos na EMEF Mariante Soares Pacheco, em Gravataí - RS

 Há dois meses, o Grupo de Voluntários do Greenpeace de Porto Alegre recebeu um pedido de visita especial dos alunos da 3o série do Colégio Mariante Soares Pacheco, localizado em Gravataí (RS). Ele veio de uma forma rara hoje em dia: por cartas, dessas escritas a mão e com o coração. Partindo lá do extremo Sul do Brasil, as palavras da criançada viajaram as cinco regiões brasileiras e encantaram os oito grupos de voluntários do Greenpeace, os três escritórios nacionais e nossos colaboradores.

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

“Vocês viraram nossos heróis! Vocês dão a vida para salvar a natureza. Gostaríamos muito de conhecer melhor o trabalho do Greenpeace, fazer perguntas e aprender como fazer estes cartazes enormes. Venham nos visitar.”

Sem hesitar, os voluntários responsáveis pelo Projeto Escola em Porto Alegre aceitaram o desafio de falar sobre as campanhas da organização com este público tão jovem e especial. O Projeto Escola é um programa de visitas e palestras em escolas realizadas pelos grupos de voluntários do Greenpeace de Belo Horizonte, Brasília, Manaus, Porto Alegre, Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador e Recife.

Depois de muito planejamento com a professora Elemari, chegou o dia da visita, que contou com uma gincana animada falando sobre energia solar, sustentabilidade, coleta seletiva e a importância da proteção das nossas florestas para as 50 crianças matriculadas no colégio, seus pais e pessoas da comunidade.

Depois de aprender com brincadeiras como palavra cruzada, jogo de tabuleiro gigante, futebol solar e pintura de estêncil em camisetas,  as crianças pintaram seus próprios cartazes pedindo a preservação da natureza e plantaram mudas de árvores, que vão crescer junto com as suas ideias de um mundo melhor. Com muita sensibilidade e carinho, elas comoveram mais uma vez os nossos voluntários cantando e dançando em agradecimento à visita*.

No vídeo abaixo você pode conferir as lindas mensagens de esperança deixadas por essas pequenas grandes pessoas. Elas emocionaram centenas de voluntários, funcionários e colaboradores do Greenpeace com  suas palavras e, principalmente, sua atitude. Apesar de termos sido chamados de herois, é mais justo deixar esse título para os alunos de Gravataí, que não só resgataram a criança que existe em cada um de nós, mas também a nossa força e capacidade de fazer a diferença, qualquer que seja nosso papel nessa luta diária por um mundo melhor.

Obrigada a todos os heróis que apoiam o Greenpeace, doando seu tempo, sua criatividade, sua torcida, seu trabalho, sua colaboração mensal, e principalmente, sua confiança de que, juntos, venceremos todas as batalhas que vierem pela frente. E sem dúvidas, o melhor da vitória será sempre saber que os teremos conosco ao longo dessa jornada.

 

*Para saber detalhes, visite o blog dos voluntários de Porto Alegre.