#Biodiversidade #Oceanos

Proteja os oceanos

Participe

Como a indústria da pesca ameaça a baleia-franca-austral?

© Santiago Salimbeni / Greenpeace

Infelizmente, a casa dessas baleias é constantemente invadida por navios de pesca industrial. A presença de centenas de embarcações instaladas na fronteira das águas do mar argentino não é uma boa notícia para elas.

Embora seu tamanho as impeça de serem transportadas em equipamentos de pesca, elas ainda podem ser presas e capturadas. As técnicas de pesca usadas por muitos pescadores podem ter um impacto devastador nos ecossistemas em que as baleias vivem e interagem.

Os sons das baleias se propagam em longas distâncias no mar. Atualmente, a poluição sonora no oceano, principalmente a causada por barcos, está aumentando. Isso preocupa e muito a possibilidade de que afete a comunicação entre as baleias.

Como proteger a casa delas?

Globalmente, as baleias enfrentam cada vez mais ameaças à sua existência devido a atividades humanas destrutivas. Mudanças climáticas, poluição, plástico nos oceanos colisões de embarcações, perda de habitat e a pesca industrial estão causando impactos devastadores para a maioria das espécies. Isso sem contar que muitas espécies ainda estão se recuperando de décadas de caça. 

Os cientistas estão compreendendo cada vez mais o papel que as baleias desempenham como parte de um ecossistema oceânico saudável na mitigação dos impactos das mudanças climáticas. E, no entanto, as principais rotas migratórias de baleias estão sendo invadidas por navios industriais, incluindo os de pesca.

Hoje não existe um mecanismo eficaz para a proteção de oceanos e áreas que estão nas águas internacionais. É por isso que o Greenpeace está pressionando os governantes para que façam o Tratado Global dos Oceanos e protejam a vida marinha, incluindo a baleia-franca-austral.

Junte-se a essa campanha e proteja a casa das baleias.