Baixe o episódio | Assine o feed | Ouça no Spotify | Ouça no iOS | Ouça no Android

O clima nunca esteve tão intenso. Com apenas 1 grau Celsius de aquecimento médio do planeta desde a Revolução Industrial, nosso planeta está com febre, e esses calafrios são sentidos na forma de ventos extremos como tufões, nevascas, longas secas e tempestades que batem recordes de destruição ao redor do mundo, cada vez com mais frequência e afetando milhões de pessoas. Por trás deles, as mudanças climáticas que foram causadas principalmente por nós, humanos, quando desmatamos para plantar e criar gado, quando queimamos combustíveis fósseis em nossos carros, aviões e para gerar eletricidade. O que fazer agora então, quando isso ameaça nossa própria sobrevivência? Existe uma solução?

Para discutir esse tema no As Árvores Somos Nozes, chamamos o professor e pesquisador da USP Paulo Artaxo, um dos mais influentes cientistas do mundo na área de clima; Carlos Rittl, coordenador do Observatório do Clima; e Fabiana Alves, especialista da campanha de Clima do Greenpeace Brasil. Neste episódio debatemos a urgência de se tomar medidas sérias que revertam essa situação, o atual contexto político no Brasil para isso no governo Bolsonaro, e o qual o rumo será dado para o futuro do nosso planeta na Conferência de Clima da ONU, que acontece nestes próximos dias na Polônia. Ouça já!

Links

Brasil envergonha a agenda climática/
Emissões do Brasil caem 2,3% em 2017;
Climáx Brasil

Créditos

  • Apresentação: Paulina Chamorro
  • Produção: Camila Doretto
  • Sound Design e edição: Compasso Coolab
  • Trilha original: Marcellus Meirelles e Alexandre Luppi
  • Coordenação artística: Raquel Zorzi