O ator espanhol foi até Nova York falar sobre a importância de um tratado entre as nações que regule atividades econômicas e que proteja os oceanos. Leia a seguir

O ator Javier Bardem foi até a reunião da ONU para mostrar seu apoio à proteção dos oceanos e pedir por um Tratado Global que realmente proteja o alto-mar © Jason Miczek / Greenpeace

O ator espanhol Javier Bardem é um protetor dos oceanos. Ele já visitou a Antártida em 2018 e fez diversos pronunciamentos públicos pela causa ambiental, junto ao Greenpeace. Na segunda-feira (19 de agosto), ele esteve em Nova York para mandar um recado aos negociadores da ONU, que estão na cidade norte-americana discutindo a criação do Tratado Global dos Oceanos. O documento, se aprovado, poderá facilitar a criação de santuários marinhos e regular as atividades econômicas no fundo do mar.

Leia, a seguir, o discurso de Javier:

Eu me sinto incrivelmente sortudo por ter visitado as geleiras do nosso planeta. No ano passado, me juntei ao Greenpeace em uma expedição à Antártida para documentar o estado nossos oceanos e trazer imagens das incríveis da diversidades de espécies para pessoas que talvez nunca terão a chance de vê-las.  

Vi pinguins mergulhando, o gelo brilhando em tons de azul e branco, um mundo de maravilhosas e majestosas baleias. Eu me espremi com os cientistas em um submarino minúsculo para ir às profundezas do oceano, onde pouquíssimos humanos já estiveram antes. Me senti abraçado pela natureza. Foi incrível. 

É por isso que me peguei completamente frustrado ao ver a Comissão do Oceano Antártico (CCAMLR, siglas em inglês) jogar fora a enorme oportunidade de proteger esses mares ao não criar uma vasta área protegida. Apesar das evidências científicas, poucos países podem bloquear a proteção para defender seus interesses econômicos em um curto prazo. Esse é só um pequeno exemplo do sistema falho no qual vivemos atualmente. Aos estados membros da ONU: eu insisto para que não cometam esse erro novamente.

Todos nós estamos cercados de oceanos nesse planeta azul mesmo que, como neste momento, nos vejamos longe de tudo isso. Talvez seja por isso que muitas das ameaças aos nossos mares, como a poluição plástica, pesca excessiva, mineração, perfuração, acidificação dos oceanos e, claro, as mudanças climáticas, parecem estar tão distantes de nossos corações. 

Nossos oceanos estão sofrendo ameaças como nunca na história. Além disso, estamos em uma verdadeira encruzilhada. E você tem uma grande responsabilidade, individual e coletivamente, para nos levar pelo caminho certo.

Não posso deixar de citar que nós, como criaturas vivas neste precioso planeta, estamos tomando um caminho bem perigoso. Você não precisa ser especialista para entender o que está acontecendo. Tudo o que precisa fazer é ouvir a ciência e os muitos sinais que a natureza tem nos enviado.

Nossos oceanos estão à beira do colapso e todos nós temos desempenhado um papel enorme sobre isso. Agora devemos fazer a nossa parte para pará-lo. 

Sem os oceanos a vida aqui na Terra simplesmente não seria viável. E é você, o delegado AQUI e AGORA, que está encarregado dessa sagrada responsabilidade. Você tem uma oportunidade histórica de virar a maré, não apenas para o alto mar e a vida marinha, mas para o planeta inteiro, para milhões de pessoas que dependem de oceanos saudáveis para sobreviver, e para nossos filhos e gerações futuras que passaram por este planeta.

Eu sou uma das milhões de pessoas que desejam e exigem que isso aconteça. Há um movimento crescente exigindo a proteção de nossos oceanos, e das baleias, tartarugas, pinguins e outras incríveis vidas que estarão em suas casas. O mundo todo está te observando enquanto você negocia  o tratado. E, desta vez, nós simplesmente não podemos nos dar ao luxo de errar. Eu vim aqui para fazer minha parte e estou pedindo que você faça a sua, comprometendo-se com um forte tratado do qual possamos nos orgulhar: um que pode realmente criar refúgios seguros para a vida marinha se recuperar.

Os oceanos pertencem a nós e o destino deles está em suas mãos. O instinto de proteger é uma das características mais nobres da humanidade. Por favor, mantenha esse princípio. Por favor, proteja nossos oceanos.

Javier Bardem