Palestras, debates e atrações culturais farão parte de uma programação que pretende propor novos caminhos para frearmos a Emergência Climática

COP21: Climate March in São Paulo. © Zé Gabriel / Greenpeace

Mobilização Mundial Pelo Clima em São Paulo, mesmo debaixo de chuva, em março deste ano © Zé Gabriel / Greenpeace

A luta por um futuro saudável, justo e com relações mais harmônicas entre a humanidade e o planeta é uma responsabilidade que os governantes do nosso país escolheram, até então, não dar atenção, não ter cuidado e nem dedicar força suficiente para transformar uma realidade alarmante que já se anuncia próxima e ameaçadora: a Emergência Climática. E quem pega o bastão para cuidar do nosso futuro são os jovens.

No próximo dia 20 de setembro, acontecerá a Greve Global do Clima no Brasil e jovens de diferentes partes do país contam com nosso apoio.

A boa notícia é que o diálogo sobre este assunto está se abrindo cada dia mais e um grupo maior começa a se formar. A universidade se aproxima do tema e se propõe a contribuir para mobilizar, informar e apoiar a mobilização mundial pelo clima.

No próximo dia 11 de setembro, a Universidade de São Paulo (USP), através do Laboratório de Educação e Política Ambiental da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ), em parceria com o Movimento Acampa Brasil, realizará o evento “Resistir é Preciso – União em defesa da vida, meio ambiente e direitos humanos”, no TUCA, Teatro da Universidade Católica, em São Paulo.

O evento, aberto ao público, pretende unir forças e reunir movimentos e coletivos da sociedade em defesa da vida, meio ambiente e direitos sociais. A programação conta com palestras, debates e atrações culturais.

Clique aqui e saiba mais.

“Resistir é Preciso – União em defesa da vida, meio ambiente e direitos humanos”
Data: 11/09/2019
Local: PUC de São Paulo, Teatro Tuca – Rua Monte Alegre, 1024 / Perdizes, São Paulo, SP
Horário: 19 horas