Hoje é Dia da Amazônia, bioma que cobre nove países da América Latina e ocupa quase metade do Brasil. Uma floresta tão poderosa quanto frágil e que continua sob constante risco. Até os anos 70, o desmatamento na Amazônia atingia apenas 1% da floresta.

Mas, de lá para cá, a destruição avançou rápido e hoje já engoliu 18% da floresta. Pesquisadores garantem que se o desmatamento da Amazônia chegar a 20% seria o abismo climático, um caminho sem volta. Isso porque o equilíbrio do bioma seria perturbado de tal forma, que a floresta não conseguiria mais se recuperar. Isso significa que os serviços que ela nos presta, como a contribuição para regime de chuvas, deixariam de existir. Um destino que pode ser evitado, a depender do modo que você enxerga a situação.

Para alguns, a Amazônia é vista como um espaço vazio a ser desmatado e ocupado, seja para a criação de gado, plantação de monoculturas ou para a extração de minério para satisfazer a ganância de uns poucos. Para outros, entretanto, é nada menos que a chave para o futuro. Para nós, será sempre a segunda opção e é isso que nos inspira a protege-la.

Faça parte você também. A Amazônia é sua, é nossa, é de todos nós.