O problema

Uma grave ameaça à humanidade

Dados do Instituto Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon) revelam que o desmatamento na Amazônia aumentou 54% em janeiro deste ano, na comparação com o mesmo mês em 2018. Também houve, recentemente, uma ampliação das invasões nas terras indígenas e áreas de proteção ambiental e da violência contra povos indígenas e comunidades tradicionais. Cada área desmatada na Amazônia impacta a disponibilidade de água doce e o equilíbrio climático, não só no Brasil, mas em todo o planeta. A própria produção de alimentos será drasticamente impactada se não barrarmos a destruição da Amazônia. Isso tudo é muito grave!

A solução

Proteger a Amazônia e seus Guardiões

O Estado brasileiro precisa cumprir o seu dever de proteger a Amazônia e todos os povos da floresta. Para isso é fundamental
respeitar os direitos dos povos e das comunidades tradicionais determinados na Constituição Federal e em outras legislações nacionais e internacionais, de modo que eles possam viver de acordo com seus modos de vida. A adoção do Desmatamento Zero e o combate à grilagem, aos crimes ambientais e à violência no campo são outras medidas urgentes e necessárias. Além disso, a população brasileira precisa conhecer e valorizar a resistência dos Guardiões da Floresta

O que você pode fazer

Com pequenas ações você pode contribuir com a luta pela proteção da Amazônia e apoiar os Guardiões da Floresta!
Informe-se, participe do abaixo-assinado e ajude a dar visibilidade a esta realidade. As futuras gerações agradecem!
1
2
3
Conheça o povo Karipuna
Seja solidário aos Guardiões da Floresta
Levante sua voz pela Amazônia e seus povos

A resistência deles merece ser conhecida mundo afora! Apenas oito Karipuna sobreviveram à trágica aproximação com a sociedade não indígena, na década de 1970: quatro adultos e quatro crianças. A invasão e destruição de sua terra tem escalado assustadoramente nos últimos anos. Os Karipuna, que vivem às margens do Rio Jaci-Paraná (RO), não podem nem mais colher castanhas. Eles têm denunciado, dentro e fora do Brasil, as violações que sofrem. Assista ao vídeo para saber um pouco mais sobre este povo

Agora é o momento de protegermos os protetores. Povos indígenas e comunidades tradicionais estão na linha de frente da resistência, denunciando crimes contra a Amazônia. E são, por isso, ameaçados, criminalizados e sofrem graves tipos de violência. Ouça o chamado deles! Participe do abaixo-assinado!

Os Guardiões da Floresta precisam do apoio do máximo de pessoas! Mostre que você se importa com eles e com a proteção da Amazônia e envolva mais gente nesta causa, tão vital pro planeta e todos nós. Semeie boas ideias e atitudes! Compartilhe o abaixo-assinado com seus amigos e familiares no WhatsApp!

1 Conheça o povo Karipuna

A resistência deles merece ser conhecida mundo afora! Apenas oito Karipuna sobreviveram à trágica aproximação com a sociedade não indígena, na década de 1970: quatro adultos e quatro crianças. A invasão e destruição de sua terra tem escalado assustadoramente nos últimos anos. Os Karipuna, que vivem às margens do Rio Jaci-Paraná (RO), não podem nem mais colher castanhas. Eles têm denunciado, dentro e fora do Brasil, as violações que sofrem. Assista ao vídeo para saber um pouco mais sobre este povo

Assista ao vídeo

Agora é o momento de protegermos os protetores. Povos indígenas e comunidades tradicionais estão na linha de frente da resistência, denunciando crimes contra a Amazônia. E são, por isso, ameaçados, criminalizados e sofrem graves tipos de violência. Ouça o chamado deles! Participe do abaixo-assinado!

Assine agora

Os Guardiões da Floresta precisam do apoio do máximo de pessoas! Mostre que você se importa com eles e com a proteção da Amazônia e envolva mais gente nesta causa, tão vital pro planeta e todos nós. Semeie boas ideias e atitudes! Compartilhe o abaixo-assinado com seus amigos e familiares no WhatsApp!

Compartilhe já